Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Café em Grão

O Neco, o Gaybriel e o Carlos...

mascaras.jpg

 

Desde Agosto de 2015, altura em que criei este blog, por diversas vezes mencionei em textos e em comentários que este não era o meu primeiro blog.
Pois bem…
Corria o ano de 2004/2005, não me lembro muito bem como, decidi criar um espaço onde pudesse partilhar as minhas ideias. Com a plataforma dos blogs no sapo, vi facilitada a criação de um diário virtual ao qual carinhosamente apelidei de “I’m Gay”. Na altura, aos poucos saía do armário e esse blog foi a escapatória que encontrei para desabafar todos os dramas inerentes à minha orientação sexual. Fiz muitas amizades nessa altura, que duram até hoje onde carinhosamente ainda me chamam de Neco, o nome com que me apresentei e assinei cada uma das minhas publicações. Inclusive tenho um amigo que ainda hoje tem todo esse meu blog imprimido.
Não me lembro quanto tempo durou o “I’m Gay? Mas por algum motivo o terminei…
Entretanto no final de 2005, saudosista como sou e sedento de voltar a escrever, criei um novo espaço, “No silêncio dos meus sentidos”, bem, este foi a minha paixão onde rios de lágrimas jorraram enquanto partilhava muitas das minhas amarguras, desabafos, amores não correspondidos! Vejam lá que até um livro acabei por publicar!
Nesse blog os meus textos eram assinados como Gaybriel, sim, mais uma vez escondia-me por detrás de um pseudónimo. Por vergonha, medo de ser reconhecido ou que descobrissem que era gay.
Entretanto esse espaço ainda durou cerca de três anos com publicações assíduas, seguidores que me comentavam e gostavam de me ler. Depois desse tempo, em Maio de 2008 comecei a deixar de ter inspiração para escrever e como não tinha assunto dei ali por terminado o meu blog. Desde então ainda tentei por meia dúzia de vezes retomar aquele velho cantinho…mas muita coisa tinha deixado de fazer sentido.
Até que, como referi, em Agosto de 2015 criei este “Alguns momentos meus”, bastante diferente do que escrevia outrora, talvez porque hoje já não preciso de chorar mais por amor algum, já o tenho, talvez porque a maturidade seja outra, passaram praticamente dez anos!
Acredito que seja o meu último blog, porque este assumo-o como Carlos, o meu verdadeiro eu está aqui, sem máscaras, assumindo de uma vez por todas aquilo que sou. Não preciso mais de esconder, de viver mascarado…assino o blog como assino o cartão de cidadão.
E isso é tão bom!
Hoje associei o meu blog antigo, o do Gaybriel, a este. Para que, eu possa recordar o que ficou lá trás e vocês possam fazer essa viagem comigo. Se tiverem curiosidade é só “viajarem” até 31/12/2005. Tanto de mim que ficou ali…

Carlos

10 comentários

Comentar post