Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Café em Grão

Mais civismo por favor...

coma-alcoolico.jpg

Lá vou eu novamente abordar este tema que está sempre na ordem do dia, na linha da frente tamanhos os casos flagrantes com que nos cruzamos!
Então vamos lá…
A noite de passagem do ano no Porto, assim como os grandes eventos (S.João, Queima das fitas) atrai sempre milhares de pessoas ao centro da cidade! Nestas noites o normal é vermos a nossa juventude e não só, de garrafa na mão a beberem álcool como se de água se tratasse. Infelizmente meus amigos, antes fosse água, nalguns casos até suplicam por água, mas a das  pedras depois de ultrapassado o limite.
O que eu vi na primeira madrugada do ano, não é bonito de se ver! As ruas cheias de lixo? Já convivo bem com isso e embora não me atreva a lançar ao chão o que seja, aceito que o façam porque a confusão é tanta e o permite e depois sabemos que os funcionários da câmara, exímios nas suas funções, limpam tudo logo pela manhã! Agora não posso concordar e causa-me repugna a quantidade de jovens que, ainda mal passava da meia-noite e já caminhavam em zig zag pelas ruas da Invicta, outros já, amparados pelos amigos, perdiam a noção de onde estavam, piores mesmo só aqueles que simplesmente já não reagiam por estarem completamente bêbados! Ah e não vale pensar que só vi rapazes, pois as raparigas neste aspecto batem-nos aos pares!
Mas, é isto o divertimento? Entrar em coma alcoólico e estragar a noite aos amigos, chamam a isto curtir a noite? Não, desculpem mas estou em desacordo com estas atitudes…
Ainda não percebi a lógica de se beber até cair, juro que não percebi!
Depois disto, algo a que assisti em completo exagero, apesar de mesmo em noites normais o ver, as pessoas que por beberem em exagero, procuram os becos mais escuros e no meio dos carros estacionados o lugar mais indicado para … urinarem! A sério?
Sou obrigado a passar por isto? A sentir o cheiro nauseabundo que emana por cada local mais escuro da cidade? Nos passeios, estar atento para não pisar, calcar nada desagradável?!
Meus amigos, os bares tem casas de banho disponíveis! Ou que tal aguentarem até casa?
E pronto é isto…
Apesar da minha passagem de ano ter sido excelente e sempre em boa companhia, tinha de partilhar o que não gostei, não me estragou a noite, mas partilho, quem sabe não atinge uma ou outra pessoa menos delicada e aprenda a lição!

Carlos

22 comentários

Comentar post

Pág. 1/3