Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Café em Grão

Horas decisivas...

15.02.16

No sábado à noite, decidimos ir ao cinema.
O tempo não convidava ninguém a sair de casa, mas mesmo assim resolvemos arriscar e lá fomos nós.
A nossa escolha à partida, como não poderia ser um filme romântico, corríamos o risco de escorregar em tanto mel, seria o Alvin e os Esquilos. Apetecia-nos uma comédia…
Mas chegados à bilheteira por volta das 20h30, esse filme havia tido a ultima sessão às 20:10. Assim tivemos que nos decidir á pressa por outro filme. Foi então que pelo cartaz resolvemos ir ver “Horas Decisivas”.
Antes de a sessão começar compramos umas bebidas, tive medo que o filme não prestasse e para adormecer no cinema somos uns profissionais!
Sem querer acabamos por assistir a um filme muito bom. Baseado em factos verídicos “Horas Decisivas” retrata o salvamento de 32 marinheiros que estavam condenados à morte em alto mar. Com imagens fortes, confesso que me deixei levar pela emoção e consegui retirar da história uma lição de vida…Pelos nossos, pela nossa tropa vamos até ao fim! Se for para ganhar, ganhamos todos, se for para perder, perdemos todos.
Sem dúvida alguma que é um filme que aconselho…
___________________________________________________________________________________

2e977a3b-1804-41bb-9da8-34742653542a

  Sinopse 
Um filme de ação heróico, “Horas Decisivas” é a extraordinária história verídica do maior resgate de uma pequena embarcação da história da Guarda Costeira. 

Apresentado em Digital 3D, o filme transporta o público para o centro da ação, criando uma experiência cinematográfica totalmente imersiva de grande escala. A 18 de Fevereiro de 1952, uma tempestade massiva atingiu New England destruindo várias cidades ao longo da costa leste e causando muitos estragos pelo caminho destrutivo, incluindo o SS Pendleton, um petroleiro T-2 com destino a Boston, que ficou partido a meio com 30 marinheiros presos no interior enquanto se afundava rapidamente. 
Como oficial superior a bordo e primeiro engenheiro assistente, Ray Sybert (Casey Affleck), rapidamente se apercebe que  lhe compete assumir o comando da tripulação assustada e incentivá-los a porem as suas diferenças de lado e a trabalharem juntos para superarem uma das piores tempestades que já atingiu a Costa Leste. 
Enquanto isso, a notícia chega ao posto da Guarda Costeira dos EUA, em Chatham, Massachusetts e o subtenente Daniel Cluff (Eric Bana) ordena uma ousada operação para resgatar os homens presos. Apesar de todas as adversidades, quatro homens, liderados pelo Capitão da Guarda Costeira Bernie Webber (Chris Pine), embarcam num barco salva-vidas de madeira com um pequeno motor, com fracos meios de navegação, enfrentando temperaturas geladas, ondas muito altas e ventos com a força de um furação.
_________________________________________________________________________________
Carlos

14 comentários

Comentar post

Pág. 1/2